Todos os alunos e pais passam por um processo de adaptação. Na maioria das vezes, o ingresso da criança na escola significa a primeira separação da família, e essa geralmente é a principal dificuldade a ser vencida. Para que ela seja superada da maneira mais tranqüila e serena, é fundamental que a família confie no trabalho desenvolvido pela escola, e é importante que os pais estejam preparados e seguros para que possam, em parceria com os professores e profissionais que irão acompanhar seus filhos, encorajá-los, transmitindo a eles muita segurança, confiança e tranqüilidade.
Mas, o que quer dizer a palavra adaptação?

Culturalmente adaptar-se a uma determinada situação significa ajustar-se, adequar-se, acostumar-se a ela, modificar-se voluntariamente para atingir o objetivo proposto, enquadrar-se em um sistema, em um meio. Adaptação significa ajustamento às novas condições impostas pelo meio.

As crianças necessitam do convívio com outras crianças, com outro meio, e é justamente na escola que o processo natural de desenvolvimento acontece, na integração com o grupo, com os professores, e as trará para a realidade de um contexto diferente daquele que elas estavam acostumadas. Muitas vezes esse processo gera sentimentos de ansiedade, medo, insegurança, desconfiança e euforia.

Cada criança vive o processo de adaptação à sua maneira, porém, a adaptação é uma conquista pessoal da criança e, para tanto, algumas necessitam de um tempo maior que as outras.

Lembre-se que o processo de adaptação vai nos acompanhar pelo resto de nossas vidas, e é exatamente por esse motivo que temos que nos preparar para a missão de preparar nossos filhos para o incrível mundo que nos cerca.

Conselhos e dicas importantes para uma boa adaptação

A Escola Primeira Opção prepara os seus profissionais e principalmente os seus professores para que ofereçam desde o primeiro dia: carinho, afeto e atenção, com o tom de voz, um olhar carinhoso e compreensivo, um toque delicado, num ambiente organizado, afetivo e tranquilo. Todo esse cuidado é tomado para que as crianças possam sentir-se seguras, amadas, valorizadas e principalmente felizes!

Antes de começar as aulas, converse com a criança (mesmo achando que ela não vai compreender) que ela irá para a Escola. Tente explicar as boas expectativas acerca do que vai acontecer. A franqueza, desde o inicio, é muito importante para o estabelecimento da confiança.

No período de adaptação, tente não demonstrar seu nervosismo se a criança chorar, pois na educação infantil o choro é comum na separação, até mesmo para os alunos já adaptados (e nem sempre isso significa que a criança não queira ficar na Escola). As despedidas devem ser firmes e rápidas: um beijo, um aceno, ou simplesmente um “até breve”, pois, dessa forma, a criança percebe que os pais confiam nos profissionais e na Escola.

Com a continuidade da adaptação, é importante que a despedida aconteça de maneira natural e carinhosa (nunca saiam escondidos) para que a criança sinta-se segura no ambiente escolar.

Nos primeiros dias de aula, procure fazer com que a criança entre andando na escola, ao invés de trazê-la nos braços. Isso ajuda na hora da separação. Durante esse período, é importante não trazer irmãos menores (mesmo que sejam de colo) afinal, fica difícil para a criança ver o irmão cercado de atenções que naquele momento não podem ser dirigidas a ela.
Alguns “objetos” que fazem parte da vida cotidiana da criança (cobertorzinho, chupeta, brinquedo, etc.) podem contribuir para fazer uma ponte de ligação entre a Escola e seu lar, é importante que a criança traga de sua casa, nos primeiros dias, algum desses objetos de estimação, tornando mais confortável à permanência no espaço escolar.

Procurem demonstrar para a criança que vocês gostariam que ela ficasse na escola e conhecesse seus novos amiguinhos, sua classe, os professores.

Tente não se atrasar (especialmente nos primeiros dias) no horário de buscar a criança. É importante cumprir os horários estipulados pela Escola.

Conversem e troquem experiências com outros pais que já passaram por essa experiência. Certamente você vai perceber que a adaptação escolar não é um grande problema, e que tudo vai sendo normalizado gradativamente.

Evite comentários sobre as dificuldades na adaptação (se ela existir) na frente da criança.

Algumas crianças poderão ficar bem nos primeiros dias (novidade da primeira semana, curiosidade inicial), mas depois é muito comum que as crianças apresentem dificuldades e resistência em permanecer na Escola. Isso é normal e esperado, pois elas começam a sentir a separação dos pais e as mudanças enfrentadas. O importante nesse momento é levá-la todos os dias à Escola, mesmo ela que permaneça por um curto período de tempo. Estabelecer uma nova rotina exige paciência e muita persistência. É muito importante não negociar a permanência da criança na Escola em troca de concessões, ou presentes.

Queridos pais, é muito importante que vocês não se sintam culpados por deixarem seus filhos em nossa Escola. Com certeza ela é o local ideal e mais adequado para a socialização, aprendizado e pleno desenvolvimento de seu filho.

É de suma importância que a família também se prepare para o período de adaptação. Preparar, organizar e garantir a tranquilidade e confiança necessária aos momentos que antecedem, até a chegada à Escola, contribui para que a criança adapte-se progressivamente ao novo ambiente e às novas experiências. Portanto, seja forte e decidido!

O essencial para cada criança não é necessariamente a quantidade de tempo que ela passa ao lado de seus familiares, e sim o amor, a dedicação e a responsabilidade de construir seu caráter, sua educação, seus valores e de forma segura e com qualidade.

Nesse período de adaptação, qualquer que seja o problema ou dúvida, procure a direção da Escola para que possamos esclarecê-la, uma vez que a atenção dos professores estará total e exclusivamente voltada às crianças.

É previsível e normal a dificuldade de adaptação, o choro, etc. Mas não mediremos esforços para assegurar o apoio e o carinho necessário para que seu filho supere com naturalidade esse momento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *